Atenção! O Portal dos Bancários RS utiliza cookies neste site, eles são utilizados para melhorar a sua experiência de uso e estatísticos.

#8M | 15/03/2024
Bancárias participam da caminhada pelo fim do feminicídio e contra todas as violências

Bancárias de Porto Alegre juntaram-se à multidão que tomou as ruas do centro de Porto Alegre no final da tarde desta quinta-feira (14/03), para denunciar o absurdo número de mulheres vítimas de feminicídio no Brasil e cobrar um enfrentamento efetivo pela sociedade e pelo poder público. Somente em 2023, foram 1.463 assassinatos, segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. 

O ato, que deveria ter acontecido no dia 8 de março, mas foi adiado devido à forte chuva e alagamentos, teve como mote “Pela vida das mulheres, contra todas as violências! Basta de Feminicídios! Basta de Privatizações!”. A escolha do 14 de Março como nova data para a mobilização foi para marcar os seis anos do assassinato da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL). Ao longo do dia, diversas atividades ocorreram em diferentes pontos de Porto Alegre, culminando no ato unificado, com concentração entre a prefeitura e a Esquina Democrática, para depois sair em caminhada pelas ruas até o largo Zumbi dos Palmares.

No final da tarde, mulheres dos mais diferentes coletivos e apoiadores começaram a se reunir em uma manifestação que denunciou todas essas violências com gritos de guerra, cartazes e diversas atividades culturais. Entre os grupos que realizaram manifestações artísticas estiveram o Baque Mulher, as mulheres do Candombe, as mulheres da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz e o Levante Popular da Juventude.

Quando o ato já reunia milhares de pessoas, a caminhada partiu do centro da cidade pouco depois das 19h e subiu a avenida Borges de Medeiros. No caminho, pendurado na parte superior do Viaduto da Borges, uma bandeira lembrou: “Nunca ficaremos caladas”. A marcha seguiu até o Largo Zumbi dos Palmares, quando mais atividades artísticas encerrou a mobilização.

 

Com informações do Brasil de Fato
Leia matéria na íntegra
 

OUTRAS MATÉRIAS
#FUNCEF | 19/04/2024
Eleição começa nesta terça-feira (16/04)
Participantes da ativa e assistidos dos planos de previdência podem votar até sexta-feira (19/04), mas a orientação é não deixar para a última hora.
Banco do Brasil | 17/04/2024
Previ: Tabela PIP é aprovada pelo BB e beneficiará dezenas de milhares de trabalhadores
Reivindicação do movimento sindical bancário, mudança acelera o processo de pontuação que permite aumentar a contribuição adicional, o que significa somar mais recursos à aposentadoria
Banco do Brasil | 17/04/2024
Plano da Previ é o mais rentável do mercado, com aposentadoria de até 115% do último salário
“Resultados refletem modelo de gestão da entidade, que conta com representação de funcionários e funcionárias nos conselhos e nas diretorias e que temos que defender”